Blog da Saúde

Qual o modelo e o peso ideal para a mochila do seu filho?

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 23 de Janeiro de 2012

Semana que vem a maioria das crianças voltam à rotina escolar. E uma das grandes preocupações dos pais é o peso e a forma correta de os filhos carregarem a mochila.

O Instituto Nacional de Tráumato-Ortopedia (Into), órgão ligado ao Ministério da Saúde, alerta: crianças que carregam mochilas muito pesadas correm o risco de sentir dores nas costas, desenvolver postura incorreta e apresentar desvios na coluna vertebral.

O ideal é que as crianças levem mochilas com rodinhas para a escola, assim elas evitam problemas de coluna. Mas as crianças maiores estão muito mais preocupadas com a aparência imediata do que com os problemas futuros na coluna.

Nestes casos, o peso das mochilas não deve ultrapassar o limite de 10% do peso da criança, ou seja, uma pessoa que pese 30kg não pode carregar uma mochila com mais de 3kg de material escolar.

Outra recomendação é que as mochilas sejam carregadas com as alças nos dois ombros, nunca só em um deles, para que a carga fique distribuída na região central mediana do corpo. Os estudantes que optam pelas bolsas do tipo “carteiro” são aconselhados a alternar os lados em que conduzem o material.

Os pais devem estar atentos quando seus filhos se queixarem de dor. A partir do momento em que as crianças reclamam de dores musculares constantes, que as impedem de brincar e se divertir, é dado um sinal de alerta para a existência de problemas de coluna.

É preciso tentar convencer os filhos a usar a mochila com rodinhas. É importante também que os alunos levem para as aulas somente o material necessário que utilizarão em determinado dia da semana. Os livros maiores podem ser deixados nos armários na escola. Caso seja inevitável levar muito material para o colégio, os filhos precisarão da ajuda dos pais para carregar os materiais.

A prática de atividades físicas também é recomendável às crianças em idade escolar. Os exercícios, especialmente esportes aquáticos, aumentam a resistência muscular das crianças. A natação se destaca, pois trabalha toda a musculatura do corpo, é bem vinda a todas as articulações e ajuda a prevenir as dores.

Outra dica é levar as crianças pelo menos uma vez por ano ao pediatra. Somente o médico pode ajudar a detectar doenças comuns na fase de crescimento, como a escoliose, um desvio na coluna que apresenta poucos sinais durante o aparecimento.

Fonte: www.pediatriaemfoco.com.br

Be Sociable, Share!

Deixe seu comentário
You must be logged in to post a comment.
Produzido por Connexion Net

(c) 2010 - Blog da Saúde - Todos os direitos reservados