Blog da Saúde

As assaduras podem estar prejudicando o sono do seu bebê

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 21 de outubro de 2011

Nos primeiros meses de vida do bebê, é muito comum a aparição de assaduras. O quadro faz com que a criança fique irritada, o que acaba prejudicando o sono e alimentação dela.

As assaduras acontecem quando a camada de proteção natural da pele, que no caso dos bebês é muito sensível, sofre um desgaste mais intenso. “Isso causa vermelhidão, ardência e deixa a pele indefesa contra a proliferação de fungos e bactérias”, informa a pediatra do Hospital e Maternidade São Luiz, Dra. Camila Lima Reibscheid.

Ter atenção com a higienização da criança, principalmente nas dobrinhas do corpo, e a cautela com a hidratação da pele são medidas que ajudam a livrar seu filho das assaduras.

Não é preciso dar banho no bebê a cada troca de fralda. Usar o algodão com água morna é o jeito mais indicado para limpar a pele sem causar irritações. “Apenas quando o bebê se suja muito com as fezes é necessário o uso de sabão. E é importante não esfregar a pele do bebê com muita força, já que isso pode irritar a pele e provocar assaduras”, diz a pediatra.

Além disso, Dra. Camila alerta que é importante optar sempre pelo sabonete neutro para o bebê. Os outros produtos podem causar irritações na pele e aumentar as chances de assaduras. “Muito sabão tira a pequena camada de óleo que serve como proteção para a pele do bebê”, explica. O lenço umedecido, por sua vez, só deve ser usado em situações inesperadas, já que o perfume pode causar reações alérgicas na criança.

 

Verão com saúde

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 19 de outubro de 2011

Ahhh o verão! Sol, praia, calor, piscina, férias, tudo o que todo mundo já começa a sonhar nessa época. Mas, com o a chegada do período mais quente do ano, é preciso que alguns cuidados sejam adotados por quem quer aproveitar os benefícios da temporada sem prejudicar a saúde.

A pele é alvo de muitas recomendações e exige cuidado específico para cada idade. De acordo com a dermatologista do Hospital e Maternidade São Luiz, Dra. Samar El Harati, as peles maduras ressecam mais com os extremos de temperatura, necessitando de uma hidratação mais profunda e frequente. Já as mais jovens tendem a ficar mais oleosas no verão, necessitando de protetores em gel, loções ou emulsões oil free, além da limpeza com sabonetes para diminuir a oleosidade da pele.

Para pele e cabelos saudáveis e bonitos, Dra. Samar indica:

1. Ingestão adequada de líquidos, principalmente água, e dieta balanceada.

2. Hidratação da pele com produtos específicos.

3. Limpeza com sabonetes adequados para cada tipo de pele.

4. Uso de protetores solares específicos a cada 2 horas. Fator de proteção mínimo de 30 com proteção aos raios UVA e UVB.

5. Para proteção dos cabelos contra os raios ultravioletas, ressecamento e coloração deve-se usar protetores solares com hidratantes reaplicado se houver contato com água.

6. Uso de xampu adequado para cada cabelo e couro cabeludo.

7. Uso de leave-in sem enxágue nas pontas dos cabelos.

8. Hidratação a cada sete ou 15 dias.

9. Sempre retirar a água salgada ou com cloro da pele e cabelos, reaplicando em seguida o protetor solar.

10. A ingestão de alimentos com betacaroteno, como laranja, cenoura e mamão, ajudam a prolongar e intensificar o bronzeado.

Cuidados com a alimentação

Ter uma alimentação balanceada é sempre importante, mas durante o verão, para contrastar a perda de água e sais minerais devido à transpiração, quando a temperatura e umidade são elevadas, é necessária ingestão de grande quantidade de líquidos.

De acordo com Dr. Andrea Bottoni, nutrólogo do Hospital e Maternidade São Luiz, a atenção com pessoas idosas deve ser redobrada nesta época do ano, pois o risco de desidratação é maior, considerando que nesta fase da vida é difícil sentir sede. “É necessário ajudar os idosos a compreender a importância de ingerir água frequentemente, mesmo sem vontade”, afirma.

Nos dias mais quentes, o sistema digestivo tende a ficar mais lento, por isso refeições mais leves e equilibradas são recomendadas para facilitar o processo. Frutas e vegetais podem ser consumidos em maior quantidade.

Outra dica importante, de acordo com Dr. Andrea, é ficar atento a data de validade e conservação dos alimentos. “Cozinhar apenas a quantidade de comida que se pretende consumir em cada refeição diminui as chances dos alimentos estragarem facilmente”, aconselha o especialista.

 

Conheça os cuidados que os homens devem ter

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 10 de agosto de 2011

Os cuidados com a saúde não distinguem sexo, mas o tipo de cuidado distingue sim a idade.

Os homens estão cada vez mais atentos e, porque não, vaidosos quando o assunto é os cuidados com a pele. A dermatologista do Hospital São Luiz, Dra. Samar Mohamad El Harati, confirma: “Hoje em dia, os homens se preocupam tanto quanto as mulheres com a aparência e o bem-estar.”

Dra. Samara ressalta que os homens têm problemas característicos, como encrvamento de pelos no rosto, foliculite (infecção dos folículos que pode ocorrer naturalmente ou ser favorecida pelo excesso de umidade ou suor, raspagem dos pelos ou depilação), marcas de expressão, manchas, cicatrizes e estrias.

Todos esses problemas possuem tratamentos específicos que são realizados sob orientação profissional, contudo, é possível aderir cuidados básicos, que ajudam a prevenir futuras preocupações.

Cuidados especiais para cada idade

A partir dos 15 anos: É importante que seja feita uma boa higienização na pele para controlar a oleosidade intensa propícia da idade. Também é importante o uso de protetores solares adequados para este tipo de pele. Tratamento para espinhas e cravos para evitar que fiquem manchas e cicatrizes pós-acne e peelings também são indicados.

A partir dos 25: Limpeza adequada e hidratação são fortes aliados nesta fase da vida. O uso de antioxidantes tópicos como a vitamina C para prevenir as linhas de expressão são bastante recomendados.

A partir dos 40: Nesta fase da vida, os homens devem lançar mão de cremes mais específicos no combate e tratamento das rugas. Outros itens importantes são os clareadores e ácidos utilizados durante a noite para a renovação celular e aumento de colágeno. Além de tratamentos com toxina botulínica, preenchimento das linhas com ácido hialurôrica e laser.

A partir dos 55: Tratamentos mais eficazes começam a entrar em cena. Por isso, cirurgias plásticas podem ser recomendadas de acordo com a necessidade de cada paciente.

O Hospital e Maternidade São Luiz deixa Dra. Samar Mohamad El Harati à disposição para entrevista.

Uso de Megahair pode levar à queda dos fios naturais

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 8 de junho de 2011

Para as mulheres que costumam ou querem usar o megahair, artifício utilizado por muitas famosas, um aviso: o uso incorreto pode causar a queda dos cabelos naturais. A técnica tem sido questionada por especialistas da Sociedade Britânica de Tricologia por conta de sua possível influência na degradação dos fios capilares.

 

O megahair começou a ser muito usado entre as atrizes, e imediatamente teve a adesão de mulheres comuns que desejavam alongar seus cabelos. Mas de acordo com a dermatologista do Hospital São Luiz, Dra. Samar Mohamad El Harati, ao alongar os fios corre-se o risco de sofrer alopecia traumática – problema que gera a queda dos fios naturais, devido a traumas consecutivos no momento da escovação, na tentativa de desembaraçar os cabelos.

 

Há dois tipos de apliques para o alongamento: com cola, no qual os fios artificiais são grudados aos naturais, e de telas, com fivelas de tique-taque. “Os apliques com fivelas são menos prejudiciais aos cabelos, pois como são removíveis não causam tantos danos”, explica Dra. Samar.

 

Veja abaixo alguns cuidados durante e após a aplicação do megahair:

 

  • Escolha bem o profissional que fará a aplicação;
  • Tente utilizar a menor quantidade de mechas – quanto menos mechas, menor será a agressão aos fios naturais próximo à aplicação. O resultado ficará menos artificial também;
  • Evite que o cabelo fique embaraçado;
  • Caso haja queda de grande quantidade dos cabelos, procure rapidamente um dermatologista.

Conheça os cuidados com a pele em todas as idades

» -------------------------------------------------------------------------------------------------------------

postado em 9 de Março de 2011

A dermatologista Samar El Harati, do Hospital São Luiz, deu algumas dicas para cuidar da pele em cada fase da vida. Confira algumas delas:

 

Aos 20 anos
É nessa época em que o rosto passa a apresentar os primeiros sinais de expressão. Para diminuí-los, Samar recomenda limpeza, hidratação e o uso de protetor solar.

 

Dos 30 aos 40 anos
Após os 30 anos, há uma diminuição na produção de colágeno e elastina, que influencia nas marcas de expressão. O uso de cremes que estimulam a produção de colágeno é benéfico.
A partir dos 40, é comum a pele ficar mais ressecada e haver uma perda de elasticidade. Para aliviar os problemas, a oftalmologista indica cremes a base de retinol.

 

Dos 40 aos 50 anos
Nessa fase, pode ser usados cremes para amenizar as olheiras. Cremes clareadores e ácidos em alta concentração também pode ser uma boa opção. Nessa fase, a pele começa a ficar mais vermelha e irritada.

 

Mais de 50 anos
Depois dos 50 anos, a pele fica mais fina, frágil e quase sem elasticidade. Nessa fase, Samar recomenda o uso de cremes mais nutritivos e engordurados. Agentes clareadores e ácidos em alta concentração também são saudáveis.

 

Para saber sobre mais dicas para a pele, acesse o site Almanaque+.

Página 4 de 41234
Produzido por Connexion Net

(c) 2010 - Blog da Saúde - Todos os direitos reservados